Wednesday, August 24, 2011

Sorriso

Doce som de luar
Por que me embala?
É para dosar a nova voz?
Para levar novas melodias?
Conquistar outros poetas,
Seduzir outros em vão?

Uma breve canção ecoa
Um violão me adorna e seduz
Torna vento brisa
Fogo em alimento
E sorriso em alento

Corpo de breve sinfonia
Perpetuando uma doce paz
Me diga de novo, ao léu,
Se fui anjo dos provérbios

Palavras suas e minhas
Embalando em ninar
Aquela mesma simpatia
Que nunca deixei de admirar

________________________________________________

Música aqui

6 comments:

DEXPEX_{Amar Yasmine} said...

Ainda ouvindo "Blood Theme", sensível em todos os poros, inspirada até o último fio de cabelo, o compositor traz à tona a força do meu desejo de pertencer, servir, sangrar pelo prazer de quem tem a mim.
Obrigada por me apresentar.

Percebo que te inspira muito também, adorei os dois últimos posts. Belíssimos!

Besos

atena de Eros said...

Simplesmente PERFEITO!!!

Obrigada pela permissão para postar Seu texto em meu blog, postei-o hoje.

Saudações e bom final de semana!

Amar Yasmine said...

Estive aqui várias vezes lendo e relendo este poema. Por sinal, lindo.

Queria muito que ele tivesse o significado que eu entendi... penso que é isso.

Dizem os artistas que todas as expressões através de alguma forma de arte têm seu verdadeiro significado naquilo que fala mais fundo a quem as observa.
Se for mesmo assim, dormirei feliz esta madrugada.

Beijo, Senhor!

Izabel said...

"Desejo" é algo mto forte... qdo desejamos de fato alguma coisa, parece que o universo todo conspira a nosso favor...

Obrigada pela dica de leitura, me pareceu bem interessante...

Sds Sr...

Izabel

Nicole Nicolela said...

Agradeço a companhia, é bom tê-lo por perto - a elegância deste canto... Contagia.

Raysla Camelo said...

Muito bom você no Sutiã.
Tava mesmo pensando em você, em como sumiu.
=)
Abraços, meu amigo.